Get Adobe Flash player

FOLHETO VOCACIONAL
Pe. Antônio de Lima Brito nds

1 – PRINCÍPIOS PARA ELABORAÇÃO
a - Contratar ou consultar um especialista em design gráfico.
a - Concentração em um único objetivo.
b - Frases, parágrafos e textos curtos, alternados com fotos ou recursos gráficos.
c - Linguagem simples, concisa, ajustada ao público destinatário.
d - Imagem sempre em primeiro plano, nunca paisagem.
e - Não pôr texto sobre imagem.
f - Correção rigorosa dos textos, feita por três pessoas, no mínimo.
g - Cores e fotos alegres.
h - Usar degradê e tarjas.
i - Imprimir em alta resolução, alto DPI (distância do ponto de impressão).
j - Texto bíblico apropriado, curto, de grande efeito.
l - Frase “chamada”.
m- Reforço da frase “chamada” em caixa ou vazado, antes do endereço.
n- Endereço completo único, com logotipo (não convém colocar mais de 1 endereço no folheto. Em se tratando de várias casas, imprimir lotes com endereços diferentes ou seja: cada lote com 1 único endereço).
o - Em se tratando de pouca impressão (até 10.000 exemplares), imprimir em papel cuchê de 90 a 110 gramas. Em
caso de grande quantidade, imprimir em papel inferior (sulfite ou jornal).
p - Antes da impressão, testar o projeto junto a 10 jovens. Colher suas sugestões e fazer as devidas melhorias,
se necessárias.
q - Em vista da fidelidade ao original e qualidade, solicitar à gráfica uma prova da impressão.

2 - TIPOS DE FOLHETOS
Toda Congregação tem muitas informações a dar ao povo, sobretudo, à juventude, alvo primeiro da pastoral vocacional.
Como elas não podem nem devem ser passadas de uma só vez, propomos 6 folhetos como vias para o cumprimento
desta tarefa.

3 - DISTRIBUIÇÃO
A finalidade de todo material publicitário é levar ao público destinatário uma proposta capaz de convencê-lo e torná-lo acolhedor do que é proposto. Para tanto, é necessário, entre outras coisas, uma boa estratégia de distribuição. Embora se reconheça a juventude participante da vida da Igreja, como espaço prioritário para uma propaganda vocacional, esta
não pode se restringir a isso, porque o lugar ordinário dela é a juventude em geral.
Diga-se, ainda, que o sapato é para o pé, assim como o folheto é para a mão dos jovens. Gavetas e armários são venenos letais para todo tipo de propaganda.


 



 

      

      Historia e Carisma de Sion  

 


 

INFORMAÇÕES


Endereço:

Rua Lino Coutinho, 436, Ipiranga 

São Paulo - SP - Cep: 04207-000

 

Fone:

(11) 2619-9314

(11) 97337-7605

E-mail:

cenfavos@cenfavos.org.br

anlibri@bol.com.br

 

 

NOSSA LOCALIZAÇÃO